LOOK DO DIA

26.10.15

GEEKICES| 4 LIVROS PARA MUDAR A VIDA

 De vez em quando dá um tédio, ou uma leve impressão de que os seus dias estão se repetindo, e as vezes até de que você se cansou um pouco e esqueceu dos sonhos. Separei para você 4 livros para te tirar dessa bad e lembrar que a vida foi feita para viver radicalmente e ao máximo. Ou seja, para você se animar e curtir mais cada segundo dessa história.
 Para despertar um pequeno gostinho de quero mais, abaixo da descrição sobre o livro, coloquei algumas das frases que eu mais curti.


1 EU ME CHAMO ANTÔNIO - Pedro Gabriel

  Antônio é personagem de um romance que ainda vai ser escrito. Frequentador assíduo dos bares, ele despeja seus comentários sobre a vida, suas alegrias e tristezas, em frases e desenhos rabiscados em guardanapos com grandes doses de irreverência e pitadas de poesia.


- Ok, essa resenha foi incrivelmente resumida. Quer saber mais sobre? Aí, meu caro, você tem que ler o livro. Vai na minha, é um dos livros mais incríveis que eu já li.


2 QUEM É VOCÊ ALASCA? - John Green

 Miles Halter estava em busca de um Grande Talvez. Alasca Young queria saber como sair do labirinto. Suas vidas se colidiram na Escola Culver Creek, e nada nunca mais foi o mesmo. 
Mas antes, um breve resumo de como tudo aconteceu:
Miles Halter vivia uma vidinha sem graça e sem muitas emoções (ou amizades) na Flórida. Ele tinha um gosto peculiar: memorizar as últimas palavras de grandes personalidades da história. Uma dessas personalidades, François Rabelais, um escritor do século XV, disse no leito de morte que ia em “busca de um Grande Talvez”. Para não ter que esperar a morte para encontrar seu Grande Talvez, Miles decide fazer as malas e partir. Ele vai para a Escola Culver Creek, um internato no ensolarado Alabama. Lá, ele conhece Alasca Young. Ela tem em seu livro preferido, O general em seu labirinto, de Gabriel García Márquez, a pergunta para a qual busca incessantemente uma resposta: “Como vou sair desse labirinto?” Inteligente, engraçada, louca e incrivelmente sexy, Alasca vai arrastar Miles para seu labirinto e catapultá-lo sem misericórdia na direção do Grande Talvez. Miles se apaixona por Alasca, mesmo sem entendê-la, mesmo tentando sem sucesso decifrar o enigma indecifrável de seus olhos verde-esmeralda.


- Este, com absoluta certeza é um dos meus preferidos!. É uma história encantadora, confusa e viciante. Vou confessar que estou perdidamente apaixonada por este livro, poderia lê-lo várias e várias vezes.


3 A MENINA QUE FAZIA NEVAR - Grace McCleen

 Judith McPherson não tem amigos na escola, onde é alvo de gozações, e para encontrar consolo se refugia no mundo de sucata que construiu em seu quarto. Lá, cada dia é um dia, e a vida pode ser incrivelmente feliz graças a sua imaginação. O que nem Judith poderia imaginar é que talvez seu brinquedo seja mais do que uma simples maquete. Pelo menos é o que parece quando ela cobre a Terra Gloriosa de espuma de barbear e a cidade aparece coberta de neve na manhã seguinte.

- Está procurando um livro fofo e que te deslique um pouco do mundo? A menina que fazia nevar, é esse.



4 365 DIAS EXTRAORDINÁRIOS - R.J PALACIO 

 O lance desse livro é o seguinte: A autora R.J Palacio reuniu vários preceitos pessoais aos preceitos que ela recebeu de milhares de crianças. Os melhores estão epalhados pelo livro, caracterizados como imagens, bilhetes da sorte e até mesmo citações literárias e musicais. 
-Ah, mas estão não é uma história? É sim, e uma história mega legal.

 O professor de August Pullman, o Sr. Browne, logo no primeiro dia de aula, antes mesmo de se apresentar aos alunos, ofereceu uma profunda lição sobre a importância de cultivarmos preceitos positivos em nosso cotidiano regras capazes de nos inspirar a fazer escolhas cada vez mais acertadas ao longo da vida. O discurso do professor fez com que Auggie, pela primeira vez, pensasse que frequentar a escola poderia não ser uma má ideia.

- Acredito que esse é um livro legal para interagir e levar um pedacinho para toda a vida. Talvez eu faria uma tatuagem de uma das frases ou até usaria como legenda de alguma foto do instagram; (a segunda opção é mais bacana e menos crazy não acha?).


E agora? Pegue um copo bem grande com chá, coloque o fone de ouvido com uma música tranquila e escolha qual você vai ler primeiro. Eu leria todos por umas 100 vezes. Beijos,


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é sempre muito importante! lerei sua mensagem com muito prazer!

GIOVANNA BARBOZA